JClub Bossa Nova in Concert :: Emanuelle Araujo

JClub Bossa Nova in Concert :: Emanuelle Araujo
04 de agosto de 2022 no JClub.

A ARTE TRANSFORMADORA DE MACALÉ NO NOVO DISCO DE EMANUELLE ARAÚJO 

Para bem dizer e traduzir o bendito amor que Jards Macalé representa para uma geração. Maldito de feroz, ferino, selvagem e implacável em composições contemporâneas e que seguem atuais, com se tivessem sido escritas hoje. Benéfico aos nossos ouvidos e mentes pensantes, Macalé é cada vez mais necessário como estímulo a levantar discussões e a ouvir a nossa voz interior. É isso que, “Quero Viver sem Grilo” nos provoca nas 10 canções do gênio anarquista, escolhidas por Emanuelle Araújo para esse disco homenagem, seu segundo álbum solo.

“Cantar canções do Macalé em um disco sempre era um sonho antigo. É um ídolo da minha adolescência e em vários momentos da minha carreira pensei em quando organizar essa idéia em meio à correria dos trabalhos”, revela Emanuelle.

Chegou a hora. Organizou e produziu em parceria com Guilherme Monteiro, músico brasileiro radicado nos EUA, que tem como base do seu trabalho o jazz e o rock, e também coloca as guitarras e os violões do disco. Foi em Nova York que seu deu o ponto de partida da produção. Emanuelle convidou Ben Zwerin, baixista francês que mora nos EUA e possui experiência com a música africana de Angelique Kidjo; Bill Dobrow, baterista americano que já tocou com o Black Crowns e Mauro Refosco, percussionista brasileiro, radicado nos EUA e que já tocou com David Byrne, Forro in the Dark e Red Hot Chili Peppers

Gravado em novembro de 2018, no estúdio do Jake Owen, em Bushwick-Brooklyn, praticamente ao vivo, no formato power trio, o disco traz as primeiras músicas gravadas por Macalé por volta dos anos 70: Boneca Semiótica, 78 rotações, Farinha do Desprezo, Hotel das Estrelas, Meu Amor me Agarra e Geme e Treme e Chora e Mata, Movimento dos Barcos, Soluços, Tio Barnabé, Anjo Exterminado e Quero Viver sem Grilo – que dá nome ao álbum.

No Brasil, a percussionista Lan Lanh colocou a percussão nas faixas Tio Barnabé, 78 Rotações, Quero Viver sem Grilo e Farinha do Desprezo. Lan Lanh, parceira de muitos anos de Emanuelle, já trabalhou com Cássia Eller, Marisa Monte e Nando Reis.

A mixagem também foi feita no Brasil, por Kassin, amigo e parceiro antigo da cantora e produtor do seu último álbum solo, “O problema é a velocidade”.

Provocador como Jards Macalé, “Quero Viver sem Grilo”, por Emanuelle, tem o lançamento do single “Hotel das Estrelas” programado para 13 de dezembro. Um disco com toda poesia utópica genial de Macalé, artista de caminho bastante particular, sem qualquer obviedade. Com canções maravilhosas na voz suave, doce e potente de Emanuelle Araújo e com as bênçãos do homem que quer escrever a palavra amor na Bandeira do Brasil.

Comprar ingressos.

Você gosta de escrever? Seja um colaborador do site!

Clique aqui para mais informações